Água de Reuso – Sustentável

Água de Reuso – Sustentável

O que é água de reuso?

Água de Reuso - Sustentável

Segundo a Resolução nº 54/2005 do Conselho Nacional de Recursos Hídricos a água de reuso é a água residuaria, que se encontra dentro dos padrões exigidos para sua utilização nas modalidades pretendidas.
O significado pratico dessa definição é entender que a água de reuso é produzida a partir do tratamento de resíduos aquosos de determinados processos.
Reuso indireto planejado Esse tipo de reuso tem por objetivo apenas tratar o efluente para descarregá-lo nos corpos hídricos superficiais ou subterrâneos. Ou seja, a água de reuso produzida não será utilizada pelo mesmo individuo que investiu neste tratamento.

Reuso direto planejado

Esse tipo de reuso tem a finalidade de utilizar diretamente o efluente aquoso tratado, sem descarregá-lo na natureza. Portanto, é o ideal para aqueles que buscam diminuir os gastos financeiros com água ao mesmo tempo em que se preocupam com o meio ambiente.

Aplicações da água de reuso

A principal legislação referente ao reuso de água é a Norma ABNT NBR 13969/97. Ela aborda o tratamento de resíduos aquosos sob diversos aspectos, e um desses é o local de utilização da água de reuso.

ÁGUA DE REUSO NÃO É POTÁVEL

Não pode ser utilizada para consumo humano ou irrigação de hortas, pois possui qualidade inferior- apesar de ser tratada. O seu uso é permitido para algumas plantações, como arroz, trigo e café, mas é preciso cessar a irrigação 10 dias antes da colheita.

Água de Reuso - Sustentável

Leia também:

Escolas Sustentáveis

BENCHMARKING – CRESCER

Água de Reuso – Sustentável

SABESP-ÁGUA DE REUSO

Reutilize e contribua com a preservação dos recursos naturais A água de reuso é produzida dentro das Estações de Tratamento de
Esgoto e pode ser utilizada para inúmeras finalidades desde geração de energia, refrigeração de equipamentos, aproveitamento nos processos industriais e limpeza de ruas e praças.
As empresas que utilizam a água de reuso colaboram com a economia de água potável destinada ao abastecimento publico.
Vale ressaltar que todo processo de produção da água de reuso da Sabesp obedece a rigorosos parâmetros de qualidade.

A importância da água de reuso

O uso responsável da água é fundamental não somente nas regiões metropolitanas, mas em todo o mundo. Cada litro de água de reuso
utilizado representa um litro de água conservada em nossos mananciais.
O assunto é tão importante que faz parte da estratégia Global para a Administração da Qualidade das Águas, proposta pela ONU, para preservação do meio ambiente. É uma maneira inteligente e capaz de assegurar que as gerações futuras tenham acesso a esse recurso tão precioso e essencial à vida: água potável
O produto pode ser utilizado para diversos processos na empresa:

  • Vaso sanitário e irrigação paisagística (mediante avaliação técnica);
  • Limpeza de pisos, pátios ou galerias de águas pluviais;
  • Assentamento de poeira em obras de aterros e terraplanagem;
  • Preparação e cura de concreto não estrutural em canteiro de obras;
  • Desobstrução de rede de esgotos e águas pluviais;
  • Geração de energia e refrigeração de equipamentos.

O transporte da água de reuso comprada da Sabesp é por conta do interessado.

Prefeitura de São Paulo:

O reaproveitamento de água de chuva passou a ser incorporado aos projetos de EDIF, em consonância com a Lei 13.276 de 2002, que tornou obrigatória a execução de reservatório para águas coletadas de coberturas e pavimentos dos lotes edificados ou não, que tenham área impermeabilizada superior a 500,00m².
Neste sentido, adotou-se um sistema independente de alimentação de bacias sanitárias: as águas pluviais provenientes da cobertura são coletadas através de calhas e conduzidas por meio de tubulações e caixas de passagem até um reservatório de coleta onde passam por filtros e cloradores.
A água então é recalcada para um reservatório superior exclusivo para este sistema e distribuída para as bacias sanitárias por gravidade.
A Organização Mundial da Saúde identificou os principais estímulos para o reuso de águas residuais:

  1. Aumento da escassez de água,
  2. Aumento populacional e de questões relacionadas à segurança
    alimentar,
  3. Aumento da poluição ambiental devido à disposição
    inapropriada de águas residuais, e
  4. Aumento do reconhecimento do valor como recurso das águas
    residuais, excrementos humanos e água cinza.

Fontes: www.comprasustentavel.com.br
www.sabesp.com.br
www.fluxoconsultoria.poli.br

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar