Poluição do Ar

Poluição do Ar

Poluição do ar é a introdução de qualquer substancia que, devido a
sua concentração, possa tornar nociva à saúde e ao meio ambiente.

A poluição atmosférica pode ser definida como qualquer forma de matéria ou energia com intensidade, concentração, tempo ou características, ou seja,  que possam tornar o ar impróprio, nocivo ou ofensivo à saúde, inconveniente ao bem-estar publico, danoso aos materiais, à fauna e à flora ou prejudicial à segurança, ao uso e gozo da propriedade e à qualidade de vida da comunidade.

De uma forma geral, a qualidade do ar é produto da interação de um complexo conjunto de fatores, por exemplo, destacam-se a magnitude das emissões,a topografia e as condições meteorológicas da região,favoráveis ou não a dispersão dos poluentes.

Poluição Atmosférica, refere-se á contaminação do ar , ou seja, por gases, líquidos e partículas solidas em suspensão, material biológico e até mesmo energia.

Poluição do Ar

PERIGO:

De acordo com um estudo da Organização Mundial de Saúde de 2014, a poluição do ar causou a morte de mais de 7 milhões de pessoas no mundo em 2012, como resultado, matau mais que a AIDS e malaria juntas.

Principais poluentes atmosféricos

  • Monóxido de Carbono (CO):
    Um gás incolor, inodoro e tóxico. Produzido principalmente pela queima não completa de combustível, ou seja, ele causa interferência no transporte do oxigênio no nosso corpo, podendo causar asfixia e morte.
  • Dióxido de Carbono (CO2):
    É uma substancia fundamental para os seres vivos. Os vegetais utilizam o dióxido de carbono para realizar sua fotossíntese, processo no qual eles usam a energia solar e o CO2 para produzir energia, entretanto, o gás é produzido no processo de respiração celular, mais possui outras fontes, que são causa de boa parte da poluição do ar, como o processo de decomposição e a queima de combustíveis fósseis. Esse gás é muito perigo devido ao fato do CO2 absorver parte da radiação emitida pela superfície da terra,retendo o calor, portanto, resultando em um aumento da temperatura da terra.
  • Clorofluorcarbonetos (CFCs):
    Costumavam ser emitidos a partir de produtos como aparelhos, como por exemplo, ar condicionado, refrigeradores, sprays de aerossol, porem, atualmente, esses compostos estão banidos em quase todo o mundo.
    Quando em contato com outros gases, os CFCs causam danos a camada de ozônio, portanto, sendo os grandes responsáveis pelo seu buraco,permitindo assim que os raios ultravioletas alcancem a superfície da Terra,causando problemas como câncer de pele.
  • Óxidos de Enxofre (SOx):
    O mais nocivo é o dióxido de enxofre (SO2), é produzido, por exemplo, em diversos processos industriais e por atividades vulcânicas, resumindo, quando na atmosfera, o dióxido de enxofre forma ao acido sulfuroso, causando a chuva ácida.
  • Óxidos de Nitrogênio (NOx):
    Em especial o dióxido de nitrogênio (NO2) , acima de tudo, é um grande fator de poluição do ar. Esses óxidos são gases altamente reativos, formados durante a combustão pela ação microbiológica ou por raios.

Poluição do Ar

  • Compostos Orgânicos Voláteis (COVs):
    Esses elementos que integram a poluição do ar são químicos orgânicos emitidos por varias fontes, por exemplo, a queima de  combustível fóssil, atividades industriais e emissões naturais da vegetação e de queimadas. Alguns COVs de origem antropogênica, como por exemplo, o benzeno, são poluentes cancerígenos. O metano é um composto orgânico volátil que contribui para o efeito estufa e é cerca de 20 vezes mais potente que o monóxido de carbono, ou seja, veneno puro.
  • Amônia (NH3):
    Emitida principalmente pela agricultura devido ao uso de fertilizantes.
  • Material Particulado (MP):
    São partículas finas de sólidos ou líquidos suspensos, por exemplo, a ação humana produz MP em atividades industriais, mineração e combustão de combustíveis fósseis. Na atmosfera, esse material causa danos à saúde. Problemas respiratórios e do coração.

Causas da poluição do ar

Fontes naturais:

  • Poeira de fontes naturais, como as de áreas desérticas.
  • Metano emitido no processo de digestão dos animais. Criação de gados.
  • Fumaça e monóxido de carbono emitido nas queimas naturais.
  • Atividade vulcânica, que emite diversos poluentes.
  • Atividade micológica nos oceanos, liberando gases sulfurosos.
  • Decaimento radioativo dos minerais (rochas).
  • Emissões por plantas de compostos orgânicos voláteis.
  • Decomposição de matéria orgânica.

Fontes antropogênicas (causadas pelo homem):

  • Fábricas, usinas de energia, incineradores, fornalhas e outras fontes.
  • Veículos automotores, como carros, motos, caminhões e aviões. O transporte contribui com cerca de metade das emissões de monóxido de carbono e oxido de nitrogênio.
  • Queimadas controladas na agricultura e no gerenciamento de florestas. No Brasil, essa pratica é responsável por cerca de 75% das emissões de gás carbônico.
  • Aerossóis, tinta, spray de cabelo e outros solventes.
  • Decomposição dos resíduos orgânicos (lixo) que gera metano.
  • Emissão de amônia pelo uso de fertilizantes.
  • Atividade mineradora.
Leia também:

Lixo Eletrônico

Cidades Sustentáveis – Brasil

 

Efeitos da poluição do ar

A poluição do ar causa um enorme impacto em dois grandes âmbitos:

# na saúde humana
# no meio ambiente

Entre os principais efeitos na saúde humana

  • Irritação na garganta, nariz e olhos;
  • Dificuldade de respiração;
  • Tosse;
  • Desenvolvimento de problemas respiratórios;
  • Agravamento de problemas cardíacos ou respiratórios, como a asma;
  • Aumento de chance de ataques cardíacos;
  • desenvolvimento de diversos tipos de câncer;
  • Danos ao sistema imunológico;
  • Danos ao sistema reprodutivo.

Poluição do Ar

Fontes:

www.comprasustentavel.com.br
www.mma.gov.br
www.cetesb.sp.gov.br
www.ecycle.com.br

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo